21/01/2019

PROJETO 1.000 COTAS

O Cota Mil informa à todos os Sócios Proprietário e Remidos, que a campanha de captação de novos sócios denominada, “Sócio Proprietário – Projeto 1000 Cotas” foi aprovada por unanimidade pelo Conselho Deliberativo do Cota Mil na noite desta quinta-feira, dia 17/01/19.

Também foram aprovadas a redução de R$ 10,00 da Taxa Extra, totalizando o valor mensal de contribuição de R$ 490,00 e os novos valores para Sócio Desportista Semanal (R$ 150,00) e Sócio Desportista Integral (R$ 245,00).

Abaixo seguem as condições da campanha que terá o seu início em 22/01/19 (terça-feira), às 8h.

1.Objetivo: Projeto 1000 Cotas, fase 1 (2019) - captação de 250 novos sócios proprietários;

2.Denominação do novo sócio:  “Sócio Proprietário – Projeto 1000 Cotas”;

3.Cada sócio proprietário ou remido indica um único “Sócio Proprietário – Projeto 1000 Cotas”;

4.Período da campanha:  22 de janeiro a 31 de março de 2019;

5.A indicação de “Sócios Proprietários – Projeto 1000 Cotas”, inicia-se as 8h do dia 22 de janeiro de 2019 e encerra-se as 18h do dia 31 de março de 2019, ou, na data em que for atingida a adesão de número 250;

6.Para controle e sequência das adesões, haverá um livro ata na secretaria do clube para que o sócio proprietário ou remido preencha o seu nome, número do seu título e os dados do novo sócio indicado para a campanha;

7.As adesões ocorrerão na ordem da indicação do livro de ata, a partir de 22 de janeiro de 2019, mediante pagamento da primeira mensalidade;

8.Os direitos e obrigações do novo “Sócio Proprietário – Projeto 1000 Cotas” são equivalentes as do sócio proprietário, previstas no estatuto do clube;

9.O valor a ser pago mensalmente pelo “Sócio Proprietário – Projeto 1000 Cotas” é equivalente ao valor pago pelo sócio proprietário (manutenção + taxa extra), com destinação dos valores para as referidas contas e finalidades;

10.A partir da data de adesão, passados 12 meses, estando o “Sócio Proprietário – Projeto 1000 Cotas” adimplente, o título do clube passa a denominação de sócio proprietário;

11.Durante o período de 12 meses, a contar da data de adesão, até o término da carência definida, o título proprietário – projetos 1000 cotas não poderá ser comercializado, sob pena de perda do direito de propriedade;
a.No caso de inadimplência ou desistência, será devido o(s) mês(es) utilizado(s), retornando o título para controle do clube sem direito a ressarcimento de qualquer ordem;

12.Caso no dia 31 de março de 2019, o número de adesões não tenha atingido a meta definida de  250 títulos “Sócio Proprietário – Projeto 1000 Cotas”, o número de títulos referente a diferença entre a meta definida e o número de adesões alcançado será disponibilizado para 
indicações complementares dos sócios proprietários ou remidos que participaram da campanha;
a.Haverá na secretaria um segundo livro ata para indicações complementares de  sócios participantes da campanha, para atender o previsto no item 12;
b.Essa lista complementar deverá ser preenchida até 31/03/2019 e poderá ser utilizada também para tratar os casos de inadimplência ou desistência;

13.Para fins de vigência e pagamento, adesões realizadas a partir do dia 20, já contam como pagamento de mensalidade do mês subsequente;

14.A partir de 02 de abril de 2019, o Cota Mil não mais comercializará títulos na secretaria do clube.

O Cota Mil informa que para qualquer dúvida adicional a Secretaria está à disposição.

Facebook Twitter Google Digg Reddit LinkedIn Pinterest StumbleUpon Email

comments powered by Disqus